© 2023 by Lâmpada Certa

Todos os direitos reservados

porque você deve usar led?

 

O futuro da iluminação das residências, comércios e indústrias serão as lâmpadas LED com sua eficiência energética.

A economia gerada pela lâmpada LED é muito maior, ela tem a vida útil superior a 25 mil horas, gastam até 90% menos energia, não contêm mercúrio, chumbo ou outro produto químico tóxico, não emitem radiação UV, e são feitas a partir de materiais totalmente recicláveis.

VEJA MAIS aqui!!!

 

 

Ecologicamente Correto

Não possuem materiais pesados como mercúrio, não poluindo o meio ambiente no descarte.

Podem e devem ser recicladas contribuindo diretamente na sustentabilidade do planeta. São muito duráveis e com isso geram pouco lixo. Utilizam muito menos energia para produzir muito mais luz.

Economia de Energia e Baixo Custo para Novas Instalações

As lâmpadas LED são extremamente eficientes e permitem economizar entre 60 e 90% se comparadas às lâmpadas incandescentes convencionais, sódio e mercúrio, e de 10 a 20% se comparadas a outras tecnologias consideradas como ‘economizadoras de energia’ (de baixo consumo).

As instalações novas se beneficiam de uma economia substancial no custo do fio de cobre, cuja espessura (diâmetro) é apenas uma fração do requerido por instalações de lâmpadas tradicionais. Isso quer dizer que em novas instalações, há uma economia considerável com a quantidade de  fiação e com a bitola dos cabos.

Baixa Manutenção

As lâmpadas LED, por motivo de sua longa vida, evitam interrupções do serviço, prejuízos e substituições constantes, oferecendo uma economia excepcional na manutenção. As lâmpadas LED resultam enormemente práticas naquelas aplicações em que é complicado ou custoso instalar e manter as luminárias, como por exemplo: galpões industriais, áreas de condomínio, shoppings, fachadas, vias públicas, pontes, tuneis, estruturas de grande altura ou a iluminação de segurança.

Longa Duração

Dependendo do modelo, as lâmpadas LED têm uma vida útil que variam entre 25.000 horas podendo chegar a mais de 50.000 horas (uma lâmpada ligada em promédio 8 horas diárias tem uma vida mediana de 17 anos).

As lâmpadas LED resistem a grandes variações de temperatura e a vibração, o que assegura a continuidade de operação. Não são frágeis e dificilmente se quebram, ao contrário de todas as outras lâmpadas convencionais, incandescentes, fluorescentes (econômicas), ou de descarga de alta intensidade.

LED quer dizer “Diodo Emissor de LUZ”, o diodo é sólido, feito de silício, ele não queimar como ocorre com as outras lâmpadas. O que acontece é que o nível de luz do LED vai reduzindo gradualmente durante sua vida útil, e isso pode levar um longo período de tempo, até décadas. Normalmente, quando ocorre uma queima precoce o problema surge na fonte da lâmpada. Por isso é importante utlizar marcas de qualidade com fabricação confiável. Desta forma as lâmpadas LED vão durar o que prometem.

Tecnologia Não Poluente e Reciclável

Não possuem materiais pesados como mercúrio, não poluindo o meio ambiente no descarte.

Podem e devem ser recicladas contribuindo diretamente na sustentabilidade do planeta.

Maior Luminosidade

As lâmpadas LED têm um maior rendimento luminoso útil (expressado em porcentagem de lumens por watt) que as lâmpadas ‘economizadoras de energia’ (CFL) ou as lâmpadas de vapor de sódio (HPS), tradicionalmente utilizadas nos sistemas de iluminação pública. Adicionalmente, as lâmpadas LED oferecem oito vezes mais iluminação que as obsoletas lâmpadas incandescentes.

Baixa Emissão de Calor

Como as lâmpadas LED produzem um calor mínimo, colaboram para a reduçao da carga térmica do ambiente. Isto é importante também para o sistema de ar condicionado que por sua vez vai ser menos exigido. Trabalhando menos, o sistema de ar condicionado também apresentará uma redução no consumo de energia.

Para galpões industriais também é muito importante a redução da carga térmica, proporcionando ambientes de trabalho mais confortáveis e preservando os equipamentos e produtos expostos ao calor.

Start Imediato

Ao contrário das lâmpadas fluorescentes (econômicas) ou vapores metálicos, as LED têm um start rápido e não requerem uma demora para alcançar um nível ótimo de iluminação e de temperatura da cor.

Existem diversos modelos apropriados para dimmerização o que permite sua aplicação para todas as necessidades.

Ampla Variedade de Cores

As lâmpadas LED podem ter uma ampla versatilidade de cores (reais), com um alto (IRC) Índice de Reprodução de Cores (Ra>80). Adicionalmente, as luzes LED oferecem cores vivas, já que não requerem de filtros para criar luz de cor. Como resultado geram cores mais puras e profundas, sem desperdício de energia.

Podemos utilizar comandos digitais a lâmpadas LED RGB que permitem a troca de cor sem a necessidade de aplicação de filtros. Desta forma podemos projetar ambientes dinâmicos ou efeitos bem específicos.

Moderno e Sofisticado

Estamos passando por um período de muita inovação com a chegada das lâmpadas LED. Até que todos tenham esta nova tecnologia em sua casa, escritório, comércio ou indústria, ela representa um toque de sofisticação e modernidade. Os usuários de hoje estão na vanguarda da economia de energia em iluminação.

Não Agride a Saúde e Não Danifica Objetos

Como as luzes LED produzem um calor mínimo, e não emitem raios ultravioleta, podem ser usadas perfeitamente para iluminar prédios históricos ou vegetações sem risco de ocasionar danos.

Utilizadas de forma adequada, levando em consideração a utilização correta da temperatura de cor para cada ambiente, as lâmpadas led podem ser utilizadas em todos as necessidades contribuindo para proporconar conforto ou o estímulo de atividades.

Baixa Amperagem

As lâmpadas LED operam a baixa amperagem e geram um calor mínimo proporcionando segurança aos usuários durante sua instalação e operação.

As instalações novas se beneficiam de uma economia substancial no custo do fio de cobre, cuja espessura (diâmetro) é apenas uma fração do requerido por instalações de lâmpadas tradicionais (sódio ou vapor metálico). Isso quer dizer que em novas instalações, há uma economia considerável com a quantidade de  fiação e com a bitola dos cabos.